Passo a passo para a primeira viagem de avião

“Chegando um momento importante na vida de quem se programa para viajar de avião! Gera dúvida, as vezes bate insegurança e aquilo que aos poucos se torna (automático e de praxe), para “marinheiros de primeira viagem”, esse conteúdo é útil. Foi por procura de seguidores que chegamos neste modelo, por sugestão e necessidades e, por isso preparamos um passo a passo para que você conheça um pouco mais os termos próprios da aviação e entenda sobre esse mundo.”

Viajando com Guris

PASSO 1: PASSAGENS AÉREAS (QUE SERA DIVIDIDO EM PASSO 2, 3 E 4)

Tendo em mente o lugar / destino de viagem e a quantidade de dias (sabendo o dia da saída – ida e retorno – volta) , já da para fazer buscas de passagens aéreas, aqui indicaremos aplicativos para pesquisa de valores de passagens para serem compradas pela internet. (Lembrando que valores são flutuantes, que alteram da noite para o dia e que existem agencias que se responsabilizam por esse trabalho e logicamente haverá custo. Portanto , o trabalho deCoaching de turismo – transformando sua viagem em uma experiência incrível. Tem crescido cada vez mais no mercado.

Aplicativos de busca de passagens aéreas: Kayak ,Skayscanner ,123 milhas e a minha preferida a Dexcolar.com

Ainda é a melhor dica para conseguir valores em conta. Claro que pode acontecer de sair alguma promoção logo para o próximo mês, mas isso é a exceção, ok? Então, programe-se!

DiCAS PARA A COMPRA DAS PASSAGENS : seja, na medida do possível, flexível em relação às datas da viagem. Dessa maneira, você conseguirá encontrar voos mais baratos. Exemplo: você quer viajar em um domingo, mas há um preço bem menor para saídas na terça-feira. Quanto mais flexibilidade e não rigidez houver, mais em conta ficará sua passagem.

Se puder optar por épocas fora de alta temporadas e férias escolares, melhor ainda, mas se não for o caso, o melhor a fazer: Inscreva-se em programas de fidelidade e acumule pontos. Mesmo um viajante iniciante já pode acumular milhas em programas voltado para esse intuito. Assim que você comprar a sua passagem aérea, pesquise o que a cia aérea em questão tem a oferecer.

DOCUMENTOS PARA VIAGEM (VOO) NACIONAL :

Passageiros brasileiros com 18 anos ou mais

  • Carteira de Identidade.
  • Carteira Nacional de Habilitação (modelo físico com fotografia).
  • A CNH-e (Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica) agora é aceita no embarque de passageiros em trechos domésticos. Para ser um documento válido, suas informações devem ser compatíveis com as informações do cartão de embarque. O documento deve ser apresentado dentro do próprio aplicativo “CNH Digital” no celular do passageiro.
    Atenção: captura de tela ou foto da CNH-e não são válidas para o embarque.
  • Carteira de Trabalho.*
  • DNI (Documento Nacional de Identidade).
  • Título de Eleitor Eletrônico (com nome civil ou nome social).
  • Cartões de identidade expedidos pelo Poder Judiciário ou Legislativo, no nível federal ou estadual, e também cartões de identidade expedidos pelo ministério ou órgão subordinado à Presidência da República, incluindo o Ministério da Defesa e os Comandos da Aeronáutica, da Marinha e do Exército.
  • Caso um destes documentos tenha sido furtado, roubado ou extraviado, o cliente pode apresentar o Boletim de Ocorrência (B.O.). O prazo de validade do B.O. compete às autoridades de segurança pública.

* Documento válido para viagens domésticas para passageiros a partir de 16 anos completos

Passageiros brasileiros entre 12 e 18 anos incompletos

  • Carteira de Identidade (RG) original ou cópia autenticada.
  • Carteira de Trabalho*
  • DNI (Documento Nacional de Identidade).
  • A aceitação de Boletim de Ocorrência para crianças (0 a 12 anos incompletos) deverá ser feita mediante consulta à Vara da Infância e da Juventude de cada localidade.

* Documento válido para viagens domésticas para passageiros a partir de 16 anos completos.

DOCUMENTOS PARA VOO INTERNACIONAL :

Países membros do Mercosul, ou que possuem acordos de viagem com o Brasil, como Argentina, Paraguai, Uruguai, Chile, Venezuela e Bolívia:

  • Carteira de Identidade (RG) original
  • Registro de Identidade Civil (RIC) original
  • Cédula de Identidade de Estrangeiro original expedida pela Polícia Federal (RNE)
  • Passaporte original e dentro da validade

Se você é cidadão de algum país membro pleno ou estado associado do Mercosul, é permitida a apresentação apenas da cédula de identidade original ou passaporte dentro do prazo de validade.

Se você é estrangeiro de algum país fora do Mercosul (e também não é de um Estado Associado), você precisa obrigatoriamente apresentar o passaporte.

Importante: todos os documentos precisam estar dentro do prazo de validade, com exceção do RNE para idosos acima de 60 anos.

Destinos que exigem visto

  • Estados Unidos
  • Panamá (exceto para estadia inferior a 180 dias para turismo)
  • República Dominicana (exceto para brasileiros, que podem obter um Cartão de Turista na chegada para estadia inferior a 30 dias)
  • Suriname (exceto para estadia inferior a 3 meses. Neste caso, é cobrada taxa de 100 dólares)

Fique atento: Antes de comprar sua passagem consulte o consulado do país de destino para mais informações:

  • Cada país exige um prazo de validade mínimo do passaporte para entrada.
  • O visto deve estar válido conforme as regras do país de destino.

Alguns países possuem regras de vacinação,

Passaporte , é bom ter ?

Minha resposta… Hoje em dia é importante ter o seu passaporte, principalmente para quem pretende começar a viajar.

Mesmo para países que não exigem o documento, como a Argentina, indicamos que já viaje com o seu. Por quê? Ter carimbos irá ajudá-lo em imigrações mais complicadas, como é o caso dos EUA e alguns países europeus.

O processo de emissão do passaporte é feito pela Polícia Federal e a solicitação é online. Atualmente, a taxa a ser paga (GRU) é de R$ 257,25 – dados atualizados em Março de 2019. A apresentação da GRU quitada é opcional, mas indicamos que leve a mesma, juntamente com a documentação exigida.

PASSO 2: COMO COMPRAR AS PASSAGENS ( ESCOLHER, PAGAR,FAZER CHECK-IN “ONLINE”)

COMO COMPRAR :

Os preços de passagens aéreas costumam variar de acordo com o horário, o dia da semana, se são voos diretos ou com conexão. Após a sua escolha, no momento da compra no site de uma de nossas agências parceiras, você precisará informar os seus dados (nome, número de documento de identificação válido, telefone e e-mail) e efetuar o pagamento com cartão de crédito ou boleto bancário.

A partir disso, será gerado um código de reserva que precisa ser levado no dia do embarque (não é necessário imprimir, embora eu tenha esse costume, por receio) ou, então, que será utilizado no momento do check-in online.

COMO FAZER CHECK-IN

Quanto ao check-in da para fazer online (minha preferência) ou no aeroporto . Para quem vai fazer a primeira viagem de avião, o check-in é imprescindível.  O procedimento padrão serve para confirmar o seu lugar. É durante o procedimento que devem ser apresentados os documentos, a bagagem e o código de reserva eletrônica para despache de bagagem e emissão do cartão de embarque. Em check-in no balcão da companhia aérea Nesse caso basta procurar o balcão da sua companhia aérea no aeroporto que o seu check-in será feito por um funcionário da empresa. Vale lembrar que é importante chegar com, pelo menos, uma hora de antecedência. Será necessário apresentar um documento oficial com foto, em tempo de pandemia o check-in online é o mais recomendável. Também tem os “TOTEM” ( máquina de autoatendimento ) As máquinas de autoatendimento são mais uma forma de se fazer o check-in no aeroporto. Também será necessário estar com os documentos em mãos para realizar o procedimento.

PASSO 3: BAGAGENS ( DE MÃO E DESPACHADA)

Se ainda está fazendo sua compra, volte na etapa anterior , veja a diferença de tarifas e se compensa neste momento estar despachando bagagens .

Quando o assunto são as bagagens, muita gente ainda tem dúvidas sobre o que é ou não permitido. As regras que determinam peso e tamanho, o que pode ser transportado na bagagem de mão e o que deve ser despachado, de fato, confundem quem vai viajar pela primeira vez de avião e, até mesmo, os mais experientes.

ATENÇÃO:

BAGAGEM DE MÃO : Bagagem de mão é aquela que você não precisa despachar, podendo ser levada para a cabine sem custo adicional, sob a responsabilidade do passageiro. É nessa mala que se deve guardar documentos, dinheiro, chaves, eletrônicos e outros objetos frágeis, importantes ou de valor. Além, claro, de outras peças que achar importantes. Já a BAGAGEM DESPACHADA :A bagagem despachada nada mais é que a mala que vai dentro do porão do avião. Entregue à companhia aérea no momento do check-in, ela é devolvida ao passageiro no momento do desembarque.

Para as bagagens de mão para voos nacionais : (sempre confira com sua c.i,a aérea, mas no geral): o peso máximo é de 10kg e as dimensões máximas são de 55 cm x 35 cm x 25 cm (altura, largura e comprimento), incluindo bolsos, rodas e alça. Em caso contrário, ela deverá ser despachada.

Para as bagagens despachadas : As regras da Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC permitem que as companhias aéreas que voam a partir do Brasil determinem sua estratégia comercial, podendo definir o peso e o valor das bagagens.

Algumas delas, inclusive, criaram uma diferenciação de tarifas, com bilhetes que incluem a mala despachada no preço final (geralmente mais caros) e outros que não incluem (mais baratos).

Então, caso seja necessário adquirir esse extra, o valor pode custar entre R$ 60 e R$ 120 e, em sua maioria, o peso máximo permitido é de 23kg.

PASSO 4: TIPOS DE VOOS ( DIRETO OU COM ESCALA OU COM CONEXÃO)

E quando você faz a escola da compra da passagens (voltando anda a etapa 1 ) . Fique atento aos tipos de voos . Os voos diretos:

Os voos diretos não fazem qualquer tipo de pausa em seu plano de viagem. Ou seja, você embarca na cidade de origem e desembarca no destino, sem qualquer parada.

Normalmente, é a maneira mais rápida e prática de chegar a um destino. Por isso, os voos diretos costumam ser bem concorridos por quem deseja ficar o menor tempo possível para vendas.

Os voos com escala: Esse tipo também é bem comum. Um voo com escala é quando o avião pousa em uma ou mais cidades antes de chegar ao seu destino final.

A parada é realizada para que os passageiros que vão permanecer no local, desembarquem, assim como outros novos passageiros embarcam para ir até o ponto final da viagem. Essas pausas podem, inclusive, ser aproveitadas para abastecer a aeronave.

É necessário um cuidado pois, quem estiver a bordo (e não tiver chegado ainda ao seu destino) não pode deixar a aeronave. Basta apenas aguardar a realização de todos os procedimentos – o que pode, em algumas situações, aumentar o tempo de viagem. E os voos com conexão :Basicamente, em um voo com conexão, ocorre uma troca de aeronaves ao longo da sua viagem. O trecho será realizado com paradas em aeroportos no caminho, e elas podem ter espera de algumas horas. Geralmente esses voos costumam ser mais longos, muita gente se confunde em conexões, chegam até a perder o voo de sequência, e aí se complica, afinal, suas malas já seguiram viagem automaticamente. Então, é necessário se informar e prestar bastante atenção. Se possível, tenha em mãos um mapa básico do aeroporto, para te ajudar a identificar em portões de entrada e saída. É importante também estar atento a quanto tempo você tem para fazer o trajeto. Além, claro, de estar sempre monitorando os painéis do aeroporto, que vão indicar o seu horário. E não se preocupe com as malas, pois não tem necessidade de pegar a sua bagagem, já que vai retirá-la somente no fim.

AGORA QUE JÁ ESTÁ PRÓXIMO DE EMBARCAR …

SALA DE EMBARQUE :

O momento da sua primeira viagem de avião está se aproximando! Quando for para a sala de embarque é muito importante ter em mãos o cartão e um documento original com foto. Você vai precisar mostrá-los na sua entrada e na hora de ir para o avião.

O primeiro passo, já dentro da sala de embarque, é o detector de metais. Nesse momento é bom deixar tudo de metal que você estiver utilizando dentro da bolsa, para evitar transtornos. Enquanto sua bagagem de mão estiver passando pelo equipamento de raio X, você passará pelo detector. (Fique bem tranquilo neste momento e evite cinto de metis, brincos se não quiser ter de tirar e colocar na cesta, mas também nada impede que recoloque depois, vai de seu tempo e paciência). Se por acaso o detector de metais apitar, não se assuste! Você pode ter esquecido de tirar algum objeto de metal, como cinto, acessórios ou celular. E, nesse momento, o funcionário do aeroporto vai auxiliá-lo da melhor forma. Ok ?

Assim que entrar, é importante conferir no cartão de embarque de qual portão seu voo sairá. Também é necessário conferir os painéis eletrônicos presentes no terminal, onde será possível ver os números dos voos, se eles estão atrasados ou não.

É realmente essencial ficar atento, pois é comum que mudanças ocorram. Depois que chamarem seu voo basta entrar na fila, mostrar a passagem e os documentos. Os tipos de fila, inclusive, explicaremos abaixo.

DICAS : Nesta sala (se não for vip-por cartões de créditos com bandeiras autorizadas , diferenciados), haverá lojas de conveniências, lanchonetes ( água mineral, custa cerca de R$ 7,00 – 250 ml) preço de janeiro de 2021 no aeroporto de Congonhas). Leve sua garrafinha de água e seu álcool em gel.

Não está permitido oferecerem (cias aéreas nenhum lanche , snacks a bordo, durante a pandemia).

MUITA CALMA, ESTÁ FALTANDO MUITO POUCO … Processo de embarque e a entrada no avião:Também conhecida como a fila para entrar no avião, neste processo de embarque,os passageiros serão distribuídos em grupos com diferentes prioridades. No seu cartão constará o número da fila que você pertence. Além disso, no aeroporto haverá sinalização para orientá-lo nesse momento.

Pessoas que necessitam de atenção especial e prioridades por lei (idosos, grávidas, pessoas com crianças de colo e portadores de deficiências físicas) continuarão tendo embarque prioritário e terão uma fila especial para isso.

Essa ordem varia, dependendo da companhia aérea, mas, geralmente são intituladas como prioritária, normal e VIP, ou como fila Premium, A, B e C.  Elas incluem viajantes frequentes, passageiros de classe executiva, assentos econômicos, dentre outros.

Depois da espera na fila, basta apresentar os documentos e entrar na aeronave.

ENTRADA NO AVIÃO: Ao entrar no avião, basta procurar pelo seu assento, geralmente marcado por um número e uma letra, que estará impresso em seu cartão de embarque. Se estiver com bagagem de mão, guarde os pertences no compartimento acima da poltrona. O item menor, que pode ser uma bolsa, deve ser colocado à sua frente.

Pronto, tudo certinho! Você deve estar ansioso e animado pois está no momento de decolar em sua primeira viagem de avião.Agora, basta apertar os cintos e voar em destino à realização de muitos sonhos. Afinal, essa não será a primeira de muitas viagens de avião, não é mesmo? Assim esperamos e te desejamos uma boa viagem!

Após chegar no seu destino, você terá o desembarque:

Ao chegar ao local de destino, respeite as orientações da equipe de bordo. Os funcionários do avião informarão sobre a possibilidade de desembarque após o procedimento de pouso acabar. Os passageiros vão ser encaminhados para saídas designadas e, se necessário, serão direcionados para um ônibus que transportará para o edifício do aeroporto.

Já na área de desembarque, haverá a indicação do número a esteira na qual a sua bagagem despachada será retirada. Geralmente, você recebe um adesivo colado no papel da passagem (ainda no momento do despache, lá no início) com a identificação da mala, mas não existe fiscalização disso.

E agora que está tudo explicado, se planeje, faça sua viagem de avião tranquila , curta seu destino e não se esqueça de trazer sua experiência aqui em nossos comentários!

Deixe um comentário