You are currently viewing Guararema mais do que Guararema

Guararema mais do que Guararema

Olá, tudo bem? 

Toda vez que se ouve falar de Guararema é do mesmo “trenzinho e pôr de sol”, é do “mirante e da Pau d alho”. Guararema é muito mais do que estes pontos turísticos. 

Já ouviu falar da decoração Natalina nesta época de (novembro a janeiro) de Natal nesta cidade turística do interior de S.P? E do Carnaval decorado na Estação Luís Carlos? 

Exploro como viajante, turista essa cidade desde 2007. A família paterna do marido é de lá. Temos bastante experiência local para compartilhar. 

A distância entre a cidade de São Paulo São Paulo e a cidade de Guararema São Paulo é de 80 km. O tempo estimado do percurso da viagem entre as duas cidades é de aproximadamente 54 min. Já em linha reta a distância entre São Paulo e Guararema é de 63 km

Parque Municipal Pedra Montada 

“Foi muito rápida a experiência (subida pela escada principal – 10 min. de caminhada) descida pela rampa, para portadores de necessidades especiais tem elevador até a a lanchonete. Local limpo e arejado. 

Vale a pena o passeio!” 

“Uma verdadeira escultura da natureza. Construído no entorno de uma belíssima sobreposição de pedras – cada uma medindo cerca de 9m de comprimento por 2,5m de altura, o Parque Municipal da Pedra Montada oferece acesso confortável ao visitante, fazendo do trajeto até as pedras um agradável passeio. O visitante ainda pode estender o passeio até a Pedra do Tubarão, outra escultura da natureza com a forma de tubarão. O passeio até este ponto se dá através de uma caminhada autoguiada com grau de dificuldade moderada, com apoio de bancos para descanso ao longo do caminho.” 

Localizada na estrada da Petrobras, o Parque Municipal Pedra Montada abriga uma sui generis escultura natural. Trata-se de uma sobreposição de pedras, cada uma medindo cerca de nove metros de comprimento por 2,5 metros de altura. O “Parque Municipal da Pedra Montada Dr. Isidoro Martins Ruiz”, conta com total infraestrutura para a recepção de turistas. Está localizado na Estrada Municipal Hércules Campagnoli, quilômetro 8, bairro Putim.”  

Locais interessantes para conhecer e turistar em Guararema, em família: 

Recanto do Américo Pau Dálho 

A ponte de acesso no Recanto do Américo (Pau d’Alho) está fechada para reforma.
A praça pode ser visitada a qualquer momento, independente do horário. 

Endereço: Rua Coronel Ramalho, s/n – Centro
Horário de funcionamento dos banheiros públicos: segunda-feira a sexta-feira, das 11h às 19h.
Sábados, domingos e feriados, das 9h às 17h. 

O Recanto do Américo ou Pau D’Alho, como é mais conhecido, é um espaço que foi reurbanizado em 2011 e reforçou-se como um dos mais belos e procurados pontos turísticos do Município. Pode-se dizer que é o cartão-postal da cidade, onde se pode desfrutar da tranquilidade, além do belo cenário. 

O Recanto do Américo oferece em toda a sua extensão uma área cravada de recursos naturais, que se interligam em uma praça com todos os equipamentos necessários à sua utilização, como quiosques, bancos, alambrados, decks com vista panorâmica, banheiros e lanchonete. As pontes que interligam a praça às ilhas foram todas construídas sob especificações de normas canadenses e levam o visitante a diferentes pontos sobre as águas do Rio Paraíba do Sul. 

Recursos Naturais
O Recanto conta com ampla e variada concentração de espécies de mata nativa, remanescentes da Mata Atlântica, além dos recursos fluviais e da centenária árvore Pau d’Alho, com 33m de altura. 

LUÍS CARLOS 

Horário dos comércios: sábados, domingos e feriados das 9h às 17h (horários flexíveis). 

ATENÇÃO: Redução de vagas dos estacionamentos devido à pandemia. 

Uso vedado: bebedouros. 

A Estação de Luís Carlos foi inaugurada em 1914 e tem esse nome em homenagem a Luís Carlos da Fonseca Monteiro de Barros (1880-1932). Nascido no Rio de Janeiro, o Engenheiro Civil e poeta mudou-se para São Paulo, onde foi Servidor Público da Estrada de Ferro Central do Brasil. Luís Carlos era Chefe do 2º Distrito de tráfego da Central do Brasil e foi ele quem autorizou a construção da Estação, atendendo ao pedido dos imigrantes que povoavam a região e precisavam embarcar a produção da lavoura para o Rio de Janeiro e São Paulo. Além de Engenheiro, Luís Carlos era talentoso com as letras, e aos 40 anos, lançou seu livro “Colunas” e mais três livros que o conduziram para a Cadeira 18 da Academia Brasileira de Letras em 1926. 

De arquitetura simples, a Estação apresenta as típicas fachadas das estações inglesas de características próprias do século XIX. 

As casas que rodeiam a Estação Luís Carlos começaram a ser construídas na década de 1920, e até hoje compõem um conjunto coeso, testemunhando esta história. A Prefeitura de Guararema tombou 20 fachadas destas construções, por seu valor histórico e artístico. Hoje os prédios abrigam empreendimentos comerciais como cafeteria, sorveteria, bistrô, bar, creperia, entre outros. 

A Igreja de São Lourenço foi construída em 1906 em homenagem a São Lourenço, o santo espanhol, também conhecido como Lourenço de Huesca ou Valência. O Santo foi um dos sete primeiros diáconos da igreja católica no século III e é considerado um mártir, por ter sido queimado vivo sobre um braseiro ardente, por cima de uma grelha, defendendo os cristãos. 

A construção da Igreja foi feita graças às doações de famílias tradicionais da região. A Festa, em homenagem ao Santo, é celebrada em 10 de agosto. 

Atualmente, a Vila de Luís Carlos conta com diversos comércios, entre sorveterias, restaurantes e lanchonetes, além da Estação Ferroviária, o Núcleo de Educação Ambiental (NEA) entre outras atrações. 

Fonte: http://www.guararema.sp.gov.br/927/turismo/lus+carlos/ 

Ilha Grande 

Horário de funcionamento: segunda-feira à sexta-feira, das 7h às 19h. 

*Uso vedado: playground, equipamentos de ginástica e bebedouros. 

lha Grande

A Ilha Grande foi inaugurada no final do ano de 2004, a ilha permite ao visitante dar um passeio em sua pista de aproximadamente 400 metros às margens do Rio Paraíba do Sul. Em junho de 2012 foi inaugurado o Núcleo de Educação Ambiental Sinhô Muniz, um espaço destinado aos debates e aprendizado sobre os assuntos que permeiam a preservação e o respeito pelo meio ambiente, nele é realizado periodicamente palestras de cunho ambiental e é o local de realização das reuniões do Conselho Municipal de Meio Ambiente. Na Ilha Grande existe uma pequena quantidade de espécies exóticas, que estão lá bem antes da inauguração, como pé de manga, abacate, nêspera, magnólia amarela, entre outras.
A maior parte da vegetação existente no local é de espécies nativas da Mata Atlântica, ultrapassando mais de 2000 indivíduos, podendo destacar entre eles, a Pitangueira, Jabuticabeira, Capixingui, Tapiá, Angico, Cedro, Ingá, Araucária, entre outras, além da espécie que deu nome ao município, o Pau d’alho, que também é conhecido pelo nome de Guararema, pau-de-mau-cheiro ou Ubaeté.

Na Ilha podemos ver algumas espécies da fauna nativa, tais como o esquilo caxinguelê, lagarto teiú e capivaras. Mais de 40 espécies de aves transitam entre

a Ilha Grande e os fragmentos de vegetação arbórea próximos, podendo destacar espécies como Tiê-sangue, Sabiás, bem-te-vi, Besourinho-de-bico-vermelho, Tucano-de-bico-verde, Teque-teque, Martim-pescador-verde, entre outros.

A ilha possui aproximadamente 400m de trilha para caminhada. Ao seu final existe um deck para contemplação do Rio Paraíba do Sul. Periodicamente ocorrem palestras de cunho ambiental no NEA que são abertas ao público. 

ESTAÇÕES FERROVIÁRIAS 

Estação Central 

A História da Estação Ferroviária confunde-se com a própria história da cidade, já que foi palco do transporte de cargas e pessoas entre 1876 e a década de 1970. 

O Pontilhão, próximo à estação de trem, no centro da cidade, chama a atenção de todos que a veem devido à grandiosidade de sua arquitetura de origem inglesa. A estação foi restaurada e oferece aos visitantes uma exposição com peças históricas. 

Um trecho da linha foi reativado e hoje é utlizado pela FIBRIA para transporte industrial e serve também ao passeio turístico-cultural de Maria-Fumaça. 

Praças 

MIRANTE “PREFEITO GERBÁSIO MARCELINO” 

  • TURISMO 

AVISO: INFORMAMOS QUE O MIRANTE PREFEITO GERBÁSIO MARCELINO FICARÁ FECHADO POR TEMPO INDETERMINADO, POR PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS (COVID-19). *Os banheiros públicos estão liberados somente para funcionários a serviço da Prefeitura.  O famoso “Morro do Gerbásio” por muitos anos foi ponto de visitação da população de Guararema que vislumbrava que o local poderia ser transformado em um ponto de contemplação da cidade

por conta da vista privilegiada, de um lado para o Centro expandido, Rio Paraíba do Sul e do lado oposto para a Mata Atlântica. A partir de março de 2018, o Mirante “Prefeito Gerbásio Marcelino”, que conta com a Praça “Sérgio Lopes da Silva” foi aberto para a visitação com toda a infraestrutura necessária para se tornar um ponto de entretenimento, lazer, gastronomia e contemplação. O local reúne diversos elementos para tornar a visitação surpreendente e memorável. No espaço “Admirar” é possível contemplar a vista a olhos nus ou utilizando a luneta e sentir o melhor de Guararema. No “Lugar para recordar” é possível fazer as mais incríveis fotografias, mesclando a arte do letreiro que traz em sua composição os elementos que compõem os atrativos históricos e culturais de Guararema e a vista sensacional da exuberante Mata Atlântica. As nove fontes interativas são um show à parte. Um show de água e luzes em movimento que prometem encantar a todos os visitantes e de forma sustentável, reutilizando a água. O local dispõe ainda de toda infraestrutura para os visitantes, com banheiros, rampas de acesso e estacionamento, além do monitoramento por câmeras 24 horas, além de restaurante e lanchonete. O Mirante “Prefeito Gerbásio Marcelino” fica na Rua Inocêncio de Melo, 335, no Centro. Horário de funcionamento: Terça-feira a domingo, feriados e pontes de feriados, das 7h às 23h. Horário de funcionamento do Restaurante: Quinta das 12h às 15h30 e das 17h30 às 22h; Sexta das 12h às 15h30 e das 17h30 às 23h; Sábado das 12h às 23h: Domingo das 12h às 22h; Feriados das 12h às 23h. Horário de funcionamento do Espaço Gourmet: Quinta e sexta das 10h às 22h; Sábado, domingo e feriado das 9h às 22h. Horário de funcionamento das fontes: Terças e Quartas: 19h às 22h; Quintas e Sextas: 12h às 16h e das 18h às 22h; Sábados, Domingos e Feriados: 9h às 12h; 13h às 15h; 16h às 18h; 19h às 22h. Horário de funcionamento dos banheiros: 7h30 às 23h. 

Fiquem atentos as normas de segurança por conta do covid-19 e dos horários aos pontos turísticos. 

Gostaram das atualizações e post sobre Guararema. Não deixem de conhecer a cidade toda iluminada para o Natal! 

Até a próxima! 

Este post tem 7 comentários

  1. Alessandro Santos

    Guararema é uma cidade muito interessante, mesmo morando bem próximo a ela, nunca explorei o potencial turístico da cidade!

    1. Tuany

      Guararema tem muitos atrativos mesmo! Aproveitem para conhecer!

  2. MARGARETE ELOI DA SILVA

    Tão próxima da Capital e ainda não tive o prazer de conhecer!

    1. Tuany

      Pertinho do S.P realmente!

Deixe um comentário